Gilberto Gil defende as rádios comunitárias

Em declarações à Agência Brasil, o ex-ministro da Cultura Gilberto Gil fez uma defesa das rádios comunitárias.

Gil comentou que o crescimento do número de rádios comunitárias, identificado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), “é sinal de que há cada vez mais protagonismo por parte das comunidades, que estão tomando a tarefa de estabelecer a intercomunicabilidade, de que a rádio comunitária supre uma lacuna deixada pela rádio comercial”.

Segundo o IBGE, pela primeira vez o número de municípios que têm rádios comunitárias é maior do que o número daqueles que dispõem de rádios comerciais FM e AM.
 
           As comunitárias estão presentes em 48,6% dos municípios brasileiros, enquanto as comerciais estão em 34,3%, no caso das FMs, e 21,2%, no caso das AMs.

           Para Gil, a expansão das rádios comunitárias não está relacionada à qualidade da programação, e sim ao fato de que as comunitárias apresentam conteúdos exclusivos que dizem respeito a coisas que as rádios comerciais simplesmente não alcançam.

“Está ligada à abrangência do serviço, o da rádio comercial não abrange determinados aspectos desejados pela comunidade, como a informação sobre o próprio bairro, sobre as atividades culturais, de saúde, de educação que ocorrem nas comunidades”, disse o ministro.

           As rádios comunitárias são reguladas, no Brasil, pelo Ministério das Comunicações. Este tem à frente o ministro Hélio Costa, que não vem se notabilizando por apoio às rádios comunitárias. (Agência Pulsar)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: