E o cerco continua… PF ataca rádios comunitárias em SP

SÃO PAULO, 11 (O Globo). A Polícia Federal deflagrou hoje a “Operação Marconi I”, com o objetivo de cumprir mandados de busca e apreensão na Grande São Paulo para desativar rádios clandestinas, sem autorização da Anatel. Setenta policiais federais e 16 agentes da Antel participam da operação.

As “rádios comunitárias” fechadas, que prejudicam a recepção do sinal de rádios e tvs devidamente autorizadas, podem interferir em aeronaves e trens. Em 2008, foram fechadas 180 rádios clandestinas, das quais 20 delas causavam interferências na navegação aérea, chegando a interromper atividades em aeroportos paulistas. Os transmissores apreendidos serão submetidos à perícia. Os proprietários das rádios responderão por crime e podem ser condenados a penas de 2 a 4 anos de prisão, por atentado contra a segurança do transporte aéreo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: