Programa abriu espaço para temática de radcoms

Da direita pra esquerda: Marcos Veloso, Adriana Felizardo, Everaldo Salvador (entrevistado) e Dalmo Oliveira. Fotos: Fabiana Veloso

“Alô Comunidade!” é o nome do programa criado pela Rádio Comunitária Zumbi dos Palmares, em parceria com a ABRAÇO-PB e a Rádio Tabajara AM. Com duração de apenas uma hora, o programa vai ao ar todos os sábados, das 14 às 15 horas. Essa semana o programa foi ao ar pela primeira vez inteiramente ao vivo, sob o comando do ativista Dalmo Oliveira.

“Nossa intenção é abrir um espaço de divulgação para o movimento de radiodifusão comunitária, explorando temas que são descartados ou proibidos nas programações das rádios convencionais. Também damos um enfoque especial ao noticiário dos movimentos sociais e sindical, além de tocarmos músicas de artistas paraibanos que não têm espaço nas rádios comerciais”, detalha Dalmo.

O Alô Comunidade tem contado com o apoio de comunicadores das rádios comunitárias Diversidade (Jardim Veneza), Lagoa FM (Lagoa de Dentro), Rádio Comunitária Araçá (Mari), Rádio Comunitária São Rafael, Rádio Timbó, entre outras.

“Queremos marcar bem o padrão das rádios comunitárias, para que fique bem definido o que é e como atua uma emissora dessa catregoria”, afirma Fábio Mozart, um dos coordenadores do programa. O lucro é o padrão das rádios comerciais, onde o ouvinte é apenas um consumidor, porque não existe muito compromisso com a sociedade. “Nas comunitárias, o conselho comunitário, formado por representantes da comunidade, é quem direciona a programação segundo uma postura ética e política para a construção da cidadania e o exercício da democracia”.

O programa “Alô Comunidade!” é feito pelas diversas rádios comunitárias participantes, pretendendo ser informativo, educativo, participativo, cultural e de mobilização social. “Estamos melhorando a qualidade do programa, mesclando música com informações e entrevistas. Vamos crescer junto com as rádios comunitárias da Paraíba”, disse Marcos Veloso, um dos apresentadores.

Marcelo Ricardo auxiliando na operação de som da Tabajara AM

No primeiro programa ao vivo, Dalmo contou ainda com o apoio de MArcos Veloso, Adriana Felizardo, Marcelo Ricardo e Fabiana Veloso. “Ao vivo conseguimos dar mais interatividade ao programa, que fica com mais adrenalina. Na primeira experiência nós colocamos o músico Paulo Ró ao vivo, direto de Lucena, falando do seu novo CD, e trouxemos o sindicalista Everaldo Salvador, do SINTEF, que deu entrevista sobre a paralisação da sua categoria”, diz Oliveira.

“O fato de estarmos usando o espaço de uma emissora pública se configurou numa façanha inédita aqui na Paraíba, sinalizando para a possibilidade de mudanças na concepção de comunicação pública do Estado”, acrescenta.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: